12
nov
08

pessoal: eu poema


Esse é um poema escrito para mim por um grande amigo do coração, Felippe Maravalhas, que também é um músico erudito (violão, alaude, guitarra teorbada, etc) de primeira linha, inclusive professor de música da UnB. Chega de babar o ovo e segue o poema:

“Seu nome:
Referência ao mártir mor…

Seus cabelos:
Pôr do sol…

Do sol há mais em si
que apenas a cor dos pêlos

Pelas…
marcas da pena,
de nanquim tens o retrato

No tato,

à flor da salpicada pele,
impossível beijo d’astros…

Sua índole:
Inquieto, soldado, guarda…

Sua disposição:
Árdua, incessante…

incendiário de tiras
de papel em rolo

em torno, um chumaço,
um palhol de feno

veneno!

Seu desejo:
Ao todo amigos em torno

Sua vontade:
Tornar-se ele próprio o Sol”

Felippe, valeu!!!

Tattoo passo-a-passo

Tattoo passo-a-passo

resultado final da tattoo

resultado final da tattoo

Anúncios

0 Responses to “pessoal: eu poema”



  1. Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s


Arquivos

novembro 2008
S T Q Q S S D
    dez »
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930

del.icio.us

Twitter do bacon

Anúncios

%d blogueiros gostam disto: